segunda-feira, 12 de março de 2012

PROTESTO AO BLOG NÁUFRAGO DA UTOPIA POR PUBLICAR: CNBB E EVANGÉLICOS QUEREM PROCLAMAR A ESCRAVIDÃO

Quero aqui registrar meu protesto ao blog Náufrago da Utopia que se recusa  publicar comentários de pensamentos e opiniões contrárias ás suas publicações DESONESTAS. 

Após terem atacado os cristãos com acusações infundadas e defendido que o homossexualismo e o aborto são medidas progressistas,  comentei de forma mui respeitosa e responsável que tais práticas não são progressistas, mas, a evocação de costumes arcaicos. 

O comentário foi publicado e em seguida removido e, por se tratar de uma publicação que  cabe o direito de respostas, realizo aqui esta denúncia. 


A matéria seguinte foi extraída do   blog  Náufrago da Utopia  e, mais abaixo encontra-se o comentário realizado por mim o qual foi removido. Se você como cristão sente-se ofendido com declarações como esta, manifeste-se de forma respeitosa e responsável  fazendo também seu comentário diretamente no blog  Náufrago da Utopia 
     






CNBB E EVANGÉLICOS QUEREM PROCLAMAR A ESCRAVIDÃO


"Joaquim José,
que também é
da Silva Xavier,
queria ser dono do mundo
e se elegeu Pedro II.
Das estradas de Minas
seguiu pra São Paulo
e falou com Anchieta,
o vigário dos índios.
Aliou-se a Dom Pedro
e acabou com a falseta:
da união deles dois
ficou resolvida a questão
e foi proclamada
a escravidão"
(Sérgio Porto, "Samba
do crioulo doido")

Andamos para trás: enquanto a bancada evangélica no Congresso tenta obrigar os psicólogos a tratarem o homossexualismo como uma doença, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil vai distribuir agora os panfletos contra o descriminalização do aborto apreendidos às vésperas do 2º turno da eleição presidencial de 2010, recentemente liberados pela Justiça.

Calcula-se que tenham sido confiscados entre 1 milhão e 2 milhões desses papeluchos afrontando a separação entre a Igreja e o Estado, ao reforçarem a imposição de preconceitos religiosos a toda a população, ateus e agnósticos inclusos.

E, claro, tal decisão judicial torna difícil evitar que sejam feitas e espalhadas novas impressões da pregação medievalista.

Pai de duas filhas legítimas e uma adotada, desaconselharei sempre o aborto a quem pedir minha opinião.

Mas, vou defender com unhas e dentes o direito de os responsáveis pela gravidez --e eles só!!!-- decidirem se podem e querem levá-la adiante.

Não vejo vantagem nenhuma e muitas desvantagens em, por meio da lei ou de intimidações de ordem moral, coagirmos pessoas a colocarem crianças indesejadas no mundo. Acabam sendo uma carga para os pais e depois para a sociedade, pois a falta de amor no início da vida tende a torná-las maus seres humanos.

Não é assunto no qual o Estado e os religiosos devam meter o nariz, salvo para garantiram a segurança da mulher, evitando que aborte quando já não é mais possível fazê-lo sem colocar sua saúde e sua vida em risco.

De resto, a perspectiva de termos militantes católicos distribuindo esses folhetos no período eleitoral me deperta péssimas lembranças:
  • a participação da Igreja Católica na preparação do cenário para a quartelada de 1964 (com as famosas marchas de carolas, dondocas e reaças) e a convivência harmoniosa de D. Agnelo Rossi com a ditadura militar quando ele era arcebismo de São Paulo, entre 1964 e 1970; e
  • as ridículas campanhas de rua da Tradição, Família e Propriedade na década de 1960, colhendo assinaturas contra o divórcio e fazendo panfletagens contra o arcebispo vermelho, D. Helder Câmara.
Ou seja, tal recaída conservadora/reacionária por parte de católicos e a escolha dos gays pelos evangélicos como espantalhos da vez nos fazem retroceder mais de quatro décadas.

Pelo andar da carruagem, ou reagimos de imediato e com firmeza ao retrocesso ou acabaremos proclamando a escravidão, como ironizou Sérgio Porto no seu genial "Samba do crioulo doido".

Chega de tergiversações eleitoreiras e de cumplicidade com o atraso! 


Comentário removido: ALERTA VERMELHO

DE VOLTA AO ANTIQUÍSSIMO PAGANISMO 

Curiosa esta forma de defender o progresso invocando culturas antigas. Muito mais antigas do que a idade média citada pelos militantes retroprogressistas. 

Este discurso é um atestado de desinformação plena na tentativa de ofuscar a realidade que a própria história da humanidade afirma. Será que a expressão 
"contra fatos não há argumentos" não faz mais sentido algum? Não me surpreenderei de forma nenhuma se for este o caso uma vez que a mentalidade moderna é produto dos mestres da ignorância. Quanto mais incauto, mais dominável. Esta é a meta.

Um cãozinho de madame não precisa de uma corrente para ser conduzido, basta um belo cordão colorido que adule o ego do pobre bichinho. São assim os que 
por interesses egoístas se vendem aos bajuladores. 

Será que os militantes destas causas estão fazendo todo este barulho de graça, por amor? Somente os tolos creem nisto. Estão faturando alto para que com suas 
bajulações coloquem pessoas contra pessoas. 

Muito antes do cristianismo existir e se tornar padrão de sociedade, os povos pagãos já praticavam o infanticídio, o aborto, a zoofilia, a pedofilia, homossexualismo  e
 tantas outras perversidades  que os "progressistas" insistem trazer de volta. 

A quem querem enganar? A si mesmos? O caminho de vocês é que conduz ao passado remoto.  

Estes movimentos das minorias possuem hoje tamanha expressão por conta do interesse político dos globalistas, mas, assim que tiverem desestruturado toda a 
sociedade por meio do conflito que estão gerando, irão marginalizá-los igualmente ou pior do que estão fazendo hoje com o cristianismo. O poder emergente não é 
somente anticristão, é tbm anti vida, anti liberdade e sujeitará tudo a seu bel prazer sem importar-se com o quê ou quem quer que seja.   

Os militantes atuais são apenas fantoches bem assessorados, nada mais do que isto. Quando cumprirem sua missão serão caçados e destruídos como aqueles a quem destruíram. 

Nossa única saída seria convivermos sem conflitos, cada um no seu limite respeitando o direito alheio, mas, infelizmente isto não será possível porque a cultura do 
ódio já foi disseminada. 

PORQUE QUEREM LEGALIZAR O ABORTO?

O grande teórico da ideologia neopagã é o filósofo alemão Fridrich Nietzsche. Para ele, o cristianismo foi a pior criação do ser humano e esta criação conduziu-o a um estado de opressão e medo. Alicerçada pelas idéias de Nietzsche, a ideologia neopagã pretende DESTRUIR O CRISTIANISMO E TODA CULTURA QUE EMANA DELE.

Como o cristianismo é uma religião que defende a vida em todas as situações, principalmente a vida em perigo como, por exemplo, a vida do bebê no ventre da mãe, a ideologia neopagã ataca a vida com a contraproposta do aborto...


Conto com a sua colaboração. Lembre-se: Pior do que o pronunciamento dos maus é o silêncio dos bons. 

Acesse:  Náufrago da Utopia 
Share:

Um comentário:

  1. Alerta Vermelho, ótimo comentário refutando esse texto infame do tal náufrago da utopia. O sr. náufrago está naufragando mais rápido que o Titanic na sua vida espiritual. Bem faria, se resolvesse se agarrar na bóia de salvação, que é a Palavra de Deus, que refuta por completo os seus desvarios...

    ResponderExcluir

Todo os comentários serão muito bem vindos desde que seja com responsabilidade. Ao fazer críticas, elogios e sugestões use do bom senso. Não serão publicados textos que não respeitem estas regras.

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Arquivo do blog

Theme Support